Homilia do Frei Hoslan Guedes: A palavra é viva!

Mensagem Litúrgica da sétima Missa por Cura e Libertação, da Quaresma de São, Primeira Leitura (Pr 21,1-6.10-13), Responsório (Sl 118, 1.27.30.34.35.44), Evangelho (Lc, 8,19-21)

Por Adriana Gimenes (Pascom)

“Minha mãe e meus irmãos são aqueles que ouvem a Palavra de Deus e a põe em prática”.  Invocando os anjos, recepcionando as maravilhas de Deus, das mãos dos anjos podemos receber os livramentos, a cura das doenças, das enfermidades. Também podemos receber o prenúncio de muitas coisas que advém na nossa vida. Com a presença de Nosso Senhor Jesus Cristo, que se entrega neste altar, também fazemos uma nova experiência da Palavra, que nos leva a uma intimidade com Deus.

Quem pode ver, e quem tem o poder de ouvir o que o Espírito Santo tem preparado há tantos anos? Essa promessa é para nós! Quando tudo isso acontecerá? Quando houver uma receptividade de fé e a Palavra entrar dentro do nosso coração. A Palavra não é uma informação, ou um anúncio que nos dão. A Palavra é uma pessoa, Nosso Senhor Jesus Cristo. Hoje o Senhor nos revela quem faz parte dessa intimidade, quem tem acesso ao seu íntimo e tem o poder de partilhar o seu coração. Quando falamos da família, pode ser um lugar que nos enriquece ou que nos empobrece. É citada para afirmar que nossa origem não é tão satisfatória ao ponto de edificar a nossa vida.  O que existe dentro de nós. Questionavam a utilidade de Jesus. A família é o primeiro lugar da escuta profunda da Palavra.

Precisamos colocar a Palavra em prática, encarnar. A Palavra é fibra e bênção. Ela tem sentimento e quando chega em nós nos causa algo diferente. A Palavra tem peso, mas precisamos dar espaço ao nosso dom que é prolongado pelo Espírito Santo.  Que o Espírito Santo faça uma nova obra em nós. Essa Palavra é eterna. O Senhor é vivo e encarnado, e se faz presente pelo sacramento em nosso meio. É pela escrita da Palavra que a fé nasce em nós. Quando alcança o nosso coração, nos transforma. Só a vida que o Cristo alcançou no sacrifício da cruz pode nos salvar. Quem nos atrai até aqui? A Palavra faz uma obra nova no nosso íntimo, somos atraídos pelo Senhor e começamos a perceber a sua presença, abre nossos olhos, desperta nossos ouvidos, aquece nosso coração. Todas as vezes que ouvimos ou lemos o Evangelho, Ele nos liberta, nos transforma. A Palavra que vem do céu, do coração de Jesus, não volta, porque Deus não volta atrás nas suas promessas. Precisamos ouvir e aprender a apresentar nossas necessidades. O Senhor nos conhece e sabe o que é melhor para nós.

Nossa Senhora guardava tudo no seu coração. Ela tem uma confiança fidedigna no Pai. Temos de ir ao encontro de Jesus, bater na sua porta porque somos da sua família. Somos um povo que tem escutado sua Palavra, essa Palavra precisa prosperar para que aconteçam as graças, a Palavra é viva, e o Senhor está no nosso meio. A Palavra é viva e os sinais acontecem todos os dias.

Vejam as fotos de Aline Veloso, Fernando Carlomagno, Larissa Pedrosa e Lillian Maria (Pascom)

Comments are closed.