Família

A Pastoral Familiar abrange todas as células da vida em comunidade (crianças, jovens, namorados, noivos, recém e casados há mais tempo, os em nova união, viúvos, pais ou mães solteiros, os solteiros por opção, casados com cônjuge de outra religião, os sem família, perseguidos, etc) Visando atender essas especificidades, somos divididos em três Setores: PRÉ MATRIMONIAL – que atua desde a criança até os nubentes, que é responsável pelo EPVM - encontros de Preparação para a Vida Matrimonial (antigo Curso de Noivos), PÓS MATRIMONIAL – do momento do “SIM” no Altar, até a viuvez e, os CASOS ESPECIAIS - responsável pelos demais casos inclusive pelos casais em nova união. Logo, buscamos atuar com todas as demais pastorais.   Coordenadores gerais: Andrei Mendes e Kátia Mendes Vice-coordenação geral: Haroldo Costa e Ana Luisa Costa Pré-matrimonial: Marcelo Ribeiro e Ana Daniela Ribeiro Casos especiais: Tony Santa Bárbara e Aureni Brito  

Continue lendo
Família

O dízimo é a devolução que fazemos ao Nosso Senhor em agradecimento por tudo o que Ele nos concede, com carinho e muito amor. Devolver o dízimo a Deus é um gesto de generosidade e prova de nossa gratidão. Atendimento: na secretaria do nosso Santuário e nos finais de semana a Pastoral do Dízimo atende no balcão do dizimista no portal de entrada da nave superior de nossa paróquia Baixe_a_ficha_para_tornar-se_um_dizimista.pdf Orientações para ser dizimista: preencher a ficha de cadastro disponível no site ou na secretaria da paróquia e no balcão do dizimo. Informar a opção de devolução se via débito em conta, boleto bancário ou via carne na secretaria ou na urna ao lado do balcão do dízimo. Oração do dizimista Receba, Senhor, meu dizimo. Não é uma esmola, porque não sois mendigo. Não é uma contribuição, porque não precisais. Não é o resto que me sobra que vos ofereço. Esta importância representa, Senhor, meu reconhecimento, meu amor, pois se tenho é porque me destes. Amém!  Coordenador: Aldo

Continue lendo

Inspirados no Encontro de Jovens com Cristo criado pelo Padre Alfonso Pastore em São Paulo, dois jovens que participaram do encontro decidiram, juntamente com casais encontreiros da Paróquia do Divino Espírito Santo do Guará II e sob a orientação do Pe. Antonio Chirulli, organizar – de forma semelhante – o encontro de jovens em Brasília, ao qual denominaram SEGUE-ME.A expressão SEGUE-ME foi tirada da Bíblia e baseou-se na vocação de Mateus (Mt.9.9): – “Partindo dali, Jesus viu um homem chamado Mateus, sentado ao telônio, e disse-lhe: - SEGUE-ME – e ele levantou-se e seguiu-O.O Segue-me de nosso Santuário foi fundado em 1988. Sob o patrocínio da Paróquia de São Francisco de Assis.Considerando que a expressão SEGUE-ME é um chamado de Cristo que oferece a todos a graça de descobrir sua vocação, os principais objetivos do movimento são:a) despertar nos jovens a visão cristã da realidade atual, estimulando-os à adoção de responsabilidades e atitudes compatíveis, através da vivência dos ensinamentos do Evangelho.b) dar aos jovens uma orientação catequética, proporcionando-lhes a oportunidade de assumir trabalhos nas paróquias e, assim, engajá-los em pastorais, pelo exemplo de jovens e adultos já atuantes, respeitadas a capacidade e a vocação de cada um.c) ampliar o diálogo e o bom entendimento entre jovens e adultos, de forma a aprimorar o relacionamento familiar e comunitário.d) servir de instrumento evangelizador a todos os que fazem e/ou trabalham no encontro. Contato: Instagram @seguemesanfra ou seguemessfa@gmail.com"    

Continue lendo

  Atualmente com 155 grupos, com 10 famílias cada. A Confraria São Francisco de Assis é um movimento dos devotos de São Francisco, que buscam bênçãos e graças para os lares dos nossos fiéis por meio da Capelinha de São Francisco de Assis. A Capelinha é uma réplica do nosso Santuário São Francisco de Assis. A destinação da capelinha é peregrinar pelos lares de todos os que tem fome e sede de paz, seja entre os brasilienses, seja por onde mais nos for orientado pelo Seráfico Pai! Cada devoto e família recebe São Francisco em seu lar uma vez por mês, durante três dias, em honra à Santíssima Trindade, e é chamado de confrade ou confreira de São Francisco. É necessário que esse devoto pertença a um grupo de 10 (dez) famílias e que este grupo, chamado de Confraria, tenha um responsável, chamado de guardião, por zelar pela manutenção da capelinha e para garantir que todos os lares ligados a essa confraria a recebam corretamente. A coordenação da confraria auxilia aos devotos que desejam receber a capelinha a montarem suas confrarias.   Como nasceu a devoção às capelinhas Foi numa tarde de oração a São Miguel Arcanjo, durante a Quaresma Franciscana de São Miguel Arcanjo, no Santuário, que nasceram as Capelinhas de São Francisco de Assis. Por meio de uma inspiração divina concedida ao nosso pároco na época, frei Fabrício Nogueira, enquanto ele rezava pedindo luzes de Deus para a melhor condução do Santuário e dos fiéis. Assim, o Espírito Santo do Senhor tocou o coração do frei e mostrou a ele a imagem de uma capelinha, com o formato do Santuário, dedicada à São Francisco, o Mensageiro da Paz. Nesta visão, Deus pediu que as famílias fossem visitadas pela capelinha e lhes concedesse graças, bênçãos, milagres, libertações e paz em todos os lares em que estivesse presente. Nessa visão, também foi pedida a criação de um dia de honra a São Francisco de Assis, para que ele voltasse a ser um santo amado e cultuado no Distrito Federal e no Brasil. O Santuário institui a missa de São Francisco de Assis, realizada todo dia 4 de cada mês. Nessa missa, a confraria abençoa as capelinhas e acolhe novos confrades e confreiras. Convidamos a todos os devotos de São Francisco de Assis para mais esse compromisso Sagrado!   Coordenadores: Marcelo Maia e Iraci

Continue lendo

No Santuário São Francisco de Assis existe a Conferência de Santa Clara e a de São Francisco de Assis

Continue lendo

Aqui você fica sabendo das atividades de cada pastoral, associação, ministério e apostolado franciscano do Santuário 

Continue lendo